Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2012

Rio+20 e as discussões sócioeconômicas e ambientais

* Por Maurício Novaes Souza1, Sarah Santos da Silva2, Matheus Barbosa2 e Débora Pessamiglio2

            No mundo, atualmente, vivem sete bilhões de seres humanos com interesses e comportamentos diversos. Cada qual busca satisfazê-los, na maioria das vezes, de forma a atender seus desejos individuais. Tal comportamento é resultante do modelo implantado pela revolução industrial, que provocou demanda crescente de novos materiais, obtidos de fontes naturais ou sintetizados, sendo utilizados em quase todos os segmentos produtivos: carvão mineral; rochas e metais, tais como cobre, ferro e alumínio; cloreto de sódio; álcool de vegetais; entre outros. Como consequência ambiental, os problemas se avolumaram e os recursos naturais ficaram comprometidos. As necessidades para a sobrevivência individual e grupal se ampliaram, tornando-se cada vez mais complexas no que se refere à obtenção destes recursos, transporte de matérias-primas e de produtos manufaturados (produção e comércio).
Recentemente…